Tomorrow never knows...

Tomorrow never knows...
It is not dying, it is not dying.

domingo, 8 de novembro de 2009

Fall in love emburrece.

Eu e a Lii, chegamos a essa conclusão depois de muito refletir e repassar os momentos de fall in love que já tivemos. Percebemos que em todas as vezes, tinha alguma coisa que nos tornava umas babacas. O fato é que quando a gente se apaixona, fica cego, surdo, mudo e idiota. Tudo é lindo, o parceiro é perfeito, os apelidinhos fofinhos (que na verdade são tipo, hm, ridículos) são perfeitos e tudo o que vocês fazem juntos é digno.
Mas depois de muito tempo e de muito fall in love, a gente aprende que as coisas não são assim.

NANANINANÃO!
Infelizmente, apesar das tentativas e dos fechamentos obscuros que fazemos em nossos corações, fall in love às vezes é inevitável. Mesmo sendo assim, pelo menos já estamos vacinadas. A gente sabe que nem tudo é lindo, que o parceiro não é perfeito (sim, ele ronca, tem chulé, assiste futebol aos domingos...), a gente prefere se chamar pelo nome ou por uma abreviação do mesmo e sabemos que haverão momentos em que qualquer coisa que vocês façam não será tão legal assim. Isso não é pessimismo. É a realidade.
Mas fall in love não é totalmente ruim...você se sente feliz, sente o coração pulsando fortemente dentro de si, tem vontade de gritar e suspira sem perceber. O problema é que isso não dura muito tempo e quando você se dá conta, você se sente infeliz, seu coração não pulsa tanto e você quer gritar e espernear pra que isso acabe...o suspiro é de tédio.
Tá, ok. Estou acabando com as esperanças de todo mundo que quer se apaixonar um dia.
Eu quero me apaixonar de novo e sei as chateações que isso vai me causar, mas sei que vai me causar bons momentos também. Eu só espero não ficar tão burra e tão cega da próxima vez. Quero aproveitar o que vier com tranquilidade e paz.

Espero que demore também...porque minha vida tem sido muito boa pra eu me preocupar com uma paixão agora.

Independente das coisas ruins que vem com a paixonite, fall in love, muitas vezes pode valer a pena. Você conhece uma pessoa bacana de verdade e vê que não tem tanta importância ser um pouco ridícula com ele, assim como ele é com você.


Eu sou aleatória e isso aqui ficou uma confusão. Mas contra fatos não há argumentos. Se você se apaixonar, vai emburrecer, você sabe disso.

Um comentário:

  1. Pois é, menine.
    A gente sabe de tudo isso, mas cadê que isso é empecílio pro filho duma mãe do cupido? HDSUHDUSIHD
    É uma merda, fall in love é uma daquelas coisas que a gente não pode meter o bedelho. Enfiam na nossa vida e a gente tem que engolir.

    Mas mesmo com os contras, assumo: fall in love é bom *-*

    ResponderExcluir