Tomorrow never knows...

Tomorrow never knows...
It is not dying, it is not dying.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

AQUELE ABRAÇO!


É tão doce esse abraço
Que me envolve como um laço
Cheio de ternura
Me levando à loucura

Abraço que me tira o ar
Que me tira o chão
E me deixa sonhar
Um sonho que não é vão

Me aquece e aconchega
Nunca me deixa esmorecer
E sempre se achega
Seja noite ou amanhecer

Quero que esse abraço
Seja algo além
Um eterno laço
Fazendo de você, o meu alguém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário