Tomorrow never knows...

Tomorrow never knows...
It is not dying, it is not dying.

sábado, 15 de junho de 2013

Today

Aos poucos
vai se tornando
cada vez mais distante
Passado, o antes.

Já não sobrou quase
nenhum resquício
de todos aqueles “ontens”
Não saltei do precipício...

Hoje é tão bonito
É verdadeiro, claro
e simples,
É hoje.

Têm estrelas no céu,
a Lua reflete no mar...
E hoje, é dia de te
amar.